Festival do Rio 2016 - Dia 8: 'Manchester À Beira-Mar' com Casey Affleck

Por Eduardo Cabanas (Twitter: @edu_dc)

16) Manchester À Beira-Mar (Manchester by the Sea, EUA, 2016), direção: Kenneth Lonergan.
(Foto: Divulgação)
Curioso como as vezes as melhores histórias de amor são aquelas sem melodrama, declarações ou câmera lenta. Esse "Manchester À Beira-Mar" é um exemplo disso, um filme contido e sem grandes explosões, que entende o ato de amar como poucos. 
A trama segue o personagem Lee (Casey Affleck, de "Interestelar" e "Medo da Verdade"), um homem que após uma grande tragédia se auto-exila da família, até o dia que o irmão falece e ele deve voltar a cidade para cuidar do sobrinho. O roteiro a partir daí não foge muito da fórmula de parentes pouco próximos tendo que enfim voltar a se relacionar, mas o faz com tanta delicadeza, calma e naturalidade que fica impossível não se envolver com a história entre tio e sobrinho. 
Ao mesmo tempo, acompanhamos por flashbacks os anos anteriores na vida de Lee, com a família e sua esposa Randi (Michelle Williams, de "Namorados para Sempre"). A montagem, entrecortando esses momentos de passado e presente, vai mostrando as várias etapas e formas de amor que sentimos uns pelos outros. Desde o carinho de um pai com as filhas durante uma época feliz, ou do tio com o sobrinho mesmo em situações difíceis, até o amor remanescente entre marido e mulher após uma tragédia imensurável. Aliás, as duas cenas que Casey Affleck e Michelle Williams protagonizam juntos são absolutamente fantásticas, uma super descontraída e outra devastadora.
Embora pontualmente o roteiro se embole um pouco na relação entre tio e sobrinho, o próprio filme parece encontrar os caminhos para voltar aos trilhos. O final é uma prova disso, ao investir na resolução mais sóbria e apropriada que aqueles personagens poderiam lidar. Dolorosa, longe do ideal, mas ainda assim repleta de amor. Nota: 4/5 (Muito Bom) 

Sobre o autor: Eduardo é produtor cultural, cinéfilo e autor do blog de viagens Player 1 Viajante: www.player1viajante.com
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obrigado pela sua opinião!
Contracene, seja o Artista!