‘Sexo Neutro’ discute conflitos de gênero no mundo contemporâneo

Cristina Flores e Marcelo Olinto encenam "Sexo Neutro" (Foto: Divulgação)

O espetáculo “Sexo Neutro” estreia na próxima quinta-feira (25), no Centro cultural Banco do Brasil (CCBB), no Rio de Janeiro. A montagem discute os conflitos de gênero no mundo contemporâneo, e apresenta as dificuldades enfrentadas por uma mulher insatisfeita com sua identificação feminina que experimenta o colapso de sua identidade. Na peça, Cristina Flores e Marcelo Olinto dividem-se no papel dessa personagem e de tantas outras, embaralhando os gêneros e a temporalidade. “Sexo Neutro” fica em cartaz até dia 2 de agosto.

O espetáculo é um relato lírico de uma subjetividade cindida em duas (e diversas) vozes. A peça acompanha as dificuldades de identidade da personagem, que não se sente confortável na escolha de nenhum gênero, sentindo de modo radical o trânsito entre o masculino e o feminino. Sexo Neutro é uma reflexão ficcional sobre a condição humana de transmutar-se e multiplicar-se em muitas identidades. A peça apresenta o jogo performativo entre um ator e uma atriz: um Ele/Ela que se divide e se perde em identidades de gênero e em orientações sexuais múltiplas.

 (Foto: Divulgação)

"Há uma obsessiva ansiedade ocidental de querer reduzir a verdade do sexo a um binômio. Paradoxalmente, existem homens e mulheres tentando acabar com esse binômio, afirmando a multiplicidade infinita do sexo”, fala Cristina Flores. O título da peça faz uma referência ao pensamento sobre o “neutro”, do pensador Roland Barthes, em que se busca a neutralização dos paradigmas da linguagem, da política, das identidades etc. Além dos atores, a equipe traz nomes de destaque da cena teatral contemporânea, com pesquisadores e artistas como João Cícero (autor, diretor e responsável pela concepção do cenário), João Dalla Rosa (figurinos), Tomás Ribas (iluminador) e Evandro Manchini (documentarista).

Ficha Técnica:

"Sexo Neutro" 

Texto e Direção: João Cícero
Com: Cristina Flores e Marcelo Olinto
Concepção de cenário: João Cícero
Figurino: João Dalla Rosa
Iluminação: Tomás Ribas
Trilha sonora original: Dimitri BR e Alexandre Hofty
Vídeos: Evandro Manchini
Direção de Movimento: Diana Behrens
Assistente de Produção e Direção: Luisa Espindula 
Cenotécnica: Articulação Cenografia
Operação de luz e Contra Regra: André Martins
Operação de Som: Rodolfo Wittboldt
Produção Executiva: Luana Carvas
Produção Executiva: Carolina Lyds
Programação gráfica: Ilustrarte Design | Luiza Aché
Administração Financeira: Angela Belluomini e Sonia Schmidt
Direção de Produção: Daniela Paita
Realização: Paita Produções Artísticas 

Serviço:

Temporada: 25 de junho a 2 de agosto
Duração: 70 min.
Classificação indicativa: 18 anos
Gênero: Drama
Dias e horários: quarta a domingo, às 19h30, até 2 de agosto de 2015
Local: Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB - Teatro III
End.: Rua Primeiro de Março, 66 – Centro – Rio de Janeiro
Telefone: (21) 3808-2000
Ingressos: Inteira R$ 10 e Meia R$ 5 
Lotação: 86 lugares
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obrigado pela sua opinião!
Contracene, seja o Artista!