Camila Braunna dá voz à Dragona de 'Shrek - O Musical'

Por Rodrigo Vianna


Camila Braunna é a voz da Dragona, de "Shrek" (Foto: Rodrigo Vianna/Contracen@rte)

Quem assiste ao espetáculo “Shrek – O Musical”, no Teatro João Caetano, no Centro do Rio de Janeiro, se impressiona com a voz da Dragona. Não é para menos, com timbre forte e marcante, a imensa marionete é uma das atrações mais aguardadas do espetáculo, arrancando suspiros do público. A dona dessa voz é a cantora, e agora também atriz, Camila Braunna. Aos 23 anos, a carioca de Campo Grande, na Zona Oeste, foi decoberta na igreja e se considera ainda uma novata nos palcos. Porém, faz sua estreia no teatro com jeito de veterano, encarando a responsabilidade de dar vida à romântica e assustadora Dragona.

Veja a galeria de fotos de Camila Braunna

Camila Braunna abre a nossa série especial “Encena”, que vai trazer todos os sábados uma entrevista com um ator que se destaca nos palcos cariocas. A cada semana, teremos uma matéria exclusiva, com vídeo e fotos desses “artistas revelação”. O Contracen@rte acompanhou um dia de trabalho da atriz Camila Braunna nos bastridores de “Shrek – O Musical”, que já é considerado um sucesso de público e crítica. A jovem atriz falou sobre sua experiência no palco, sua carreira como cantora e como ele entrou para o incrível mundo do teatro. Assista no player abaixo Camila Braunna em cena no papel de Dragona.


Assista no player acima a entrevista com Camila Braunna

Com efeitos especiais, cenários criativos e boas piadas, “Shrek – O Musical” é um prato cheio para os amantes do gênero. De cara, a megaprodução impressiona. No total, 27 atores e bailarinos se revezam entre personagens e cenários realistas. Depois da Broadway, agora é a vez dos brasileiros conhecerem de perto a história do ogro que foi expulso de casa aos sete anos e vive isolado num pântano na floresta do reino “Tão Tão Distante”. Sabe que é um ser assustador e se diverte com isso. Parece não ter nenhum tipo de sentimento, mas, no fundo, tem um coração do tamanho dele.

(Foto: Rodrigo Vianna/Contracen@rte)

Do altar para os palcos. Camila Braunna começou sua carreira na igreja onde frequetava. A música sempre esteve presente na sua vida desde pequena. Ele disse que sempre teve apoio dos pais e que entrou para o teatro para melhorar o seu desempenho nos palcos. Foi quando a cantora se inscreveu num curso de teatro no Sesc de Engenho de Dentro, no subúrbio, em 2011. Lá, o diretor viu nela uma possibilidade de montar um musical. Essa foi a sua primeira experiência nos palcos como atriz/cantora, mas ainda não profissional. Foi o começo de uma carreira promissora. Música e teatro juntos.

“Eu sou cantora desde pequena, trabalho com os meus pais com música há muito tempo. Eu comecei na igreja, sou evangélica até hoje, e sempre gostei muito de música, sempre ouvi muito música, e os meus pais me incentivaram muito nisso. Só que eu não tinha habilidade, eu não sabia como me impor e me comportar no palco. Eu pensei, então, no teatro como uma ajuda para mim, e comecei a fazer aulas de teatro com a intenção de melhorar o meu comportamento no palco. Foi uma experiência maravilhosa, porque eu descobri que podia juntar teatro e música, e eu nunca pensei que eu tivesse talento para ser atriz”, disse ela.

(Foto: Rodrigo Vianna/Contracen@rte)

Carreira na música
Além dos teatro, Camila também tem uma banda evangélica, onde canta e atua como regente. Foi um vídeo da sua banda postado na internet que a fez ser descoberta por uma produtora, dessas tipo “caça-talentos”: “Ela me ligou, me convidando para fazer um teste para o espetáculo 'Soul Roberto'. Eu acabei sendo aprovada, e esse foi o meu primeiro trabalho profissional, com bilheteria, no ano passado. Ficamos apenas quatro meses em cartaz. Enquanto eu estava em cartaz com esse espetáculo, uma menina do elenco de 'Shrek' foi assistir e disse que eu tinha o perfil da dragona”.

No entanto, Camila contou que o teste era para ser cover de dragona e para atuar no coro, porém o seu talento falou mais alto e ela acabou sendo escolhida pelo diretor Diego Ramiro para ser a titular. No espetáculo, Camila praticamente dubla a Dragona, que é uma imensa estrutura, manipulada por quatro pessoas. Durante apresentação, Camila fica “escondida” na coxia interpretando as canções da personagem, o público, curioso, fica procurando de onde vem essa voz, mas a sua identidade só é revelada no número de encerramento. Porém, Camila surge em outros momentos, mas com outro personagem, o ovo Humpty Dumpty.

(Foto: Rodrigo Vianna/Contracen@rte)
A dura rotina de ensaios
Foram três meses de ensaios e trabalho pesado até a estreia, que aconteceu em dezembro do ano passado. Segundo Camila, a rotina de treino acontecia de terça a domingo, sempre dez horas por dia. Para aguentar o pique foi preciso uma preparação digna de um verdadeiro atleta: “Eu tenho que estar preparada, eu procuro não tomar gelado, então eu costumo dormir bem e como muita maçã que é ótima para voz. E quando sinto a voz seca, eu chupo uma bala que lubrificar a voz, fora a pressão psicológica por ser ao vivo”.

No palco, Camila contracena ao lado do ator e humorista Rodrigo Sant'anna, que interpreta o Burro. A química entre os dois é visível. Ela contou que tem aprendido muito com o colega de cena: “Ele (Rodrigo) é uma pessoa humilde, que me ajuda muito, assim como o resto do elenco, que já está trabalhando com isso há muito tempo". 

O futuro
Depois que começou, Camila não quer mais parar. A atriz tem feito aulas de teatro, dança, sapateado e jazz para melhorar o seu desempenho. Para o futuro, ela pretende investir cada vez mais em musicais e seguir na música com carreira solo. Dona de uma voz singular, a cantora e atriz quer consolidar a sua carreira nos palcos, e fazer de “Shrek – O Musical” o pontapé inicial para isso. Se depender dela, o sucesso será imediato. Força de vontade ela tem, o que falta, de acordo com ela, são os incetivos de empresas e gravadoras. No entanto, se ela continuar a brilhar como tem feito com a Dragona, logo, logo vai trocar as coxias pelos holofotes.

Rodrigo Sant'anna e Camila em cena (Foto: Arquivo Pessoal)

“Eu me encontrei no palco. Eu estou me descobrindo e as pessoas estão me descobrindo também. Acredito que virão outros convites através deste musical. E eu pretendo conciliar a carreira musical com o teatro, quero trabalhar solo. Eu sou apaixonada por música, e pretendo trabalhar mais individual, sempre com canções gospel. Eu entrei no teatro exatamente com essa intenção e me apaixonei pelo musical e não quero mais sair. Existem muitos talentos que estão escondidos e precisam de uma oportunidade. A gente não pode ter medo de errar, porque até no erro a gente consegue tirar proveito”, concluiu ela.

Sobre o “Encena”
Abram as cortinas. O Contrancen@rte tem o prazer de apresentar o “Encena”, uma série especial que vai trazer entrevistas com nomes do teatro e da música que têm se destacado no cenário cultural carioca. Todo sábado o público em casa poderá conhecer um pouco mais sobre o trabalho desses artistas. A sua história, trajetória, carreira, trabalhos atuais e experiência. Tudo sera contado com exclusividade para o nosso portal, trazendo público para mais perto do artista. Afinal, como o nome já diz, vamos colocar esses “artistas revelação” “em cena” e mostrar as suas caras. Aqui, você é a nossa grande plateia.
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. A Camila é simplesmente muuuiiiitoooo boa, com certeza aparecerá outras oportunidades, vc nasceu para brilhar e Deus vai te honrar. Beijos..

    ps: Adorei a matéria!

    ResponderExcluir
  2. Adoreiii a matéria, Camila vc é DIVA demais, Deus vai te honrar sempre. EU CREIO, isso é só o começo das promessas de Deus para sua vida. Beijos

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua opinião!
Contracene, seja o Artista!