Mariah Carey grava trilha sonora de 'Oz - Mágico e Poderoso'


Mariah Carey é a voz escolhida para compor a trilha sonora de “Oz – Mágico e Poderoso” (The Great and Powerful), que chega aos cinemas no dia 8 de março. A cantora interpreta a canção “Almost Home”, que vazou na internet neste mês. Este é o segundo material novo que Mariah Carey lança deste o álbum “Memoirs of an Imperfect Angel”, em 2009. “Oz - Mágico e Poderoso”, da Disney, tem grandes estrelas no elenco como Mila Kunis, James Franco e Michelle Williams.

“Almost Home” foi uma co-produção com Stargate que também já trabalhou com Rihanna em “Diamonds” e Rita Ora em “R.I.P.”. Diferente do trabalho anterior da cantora, “Triumphant”, que trazia uma proposta totalmente R&B, “Almost Home” soa como uma balada moderna e pop com vocais poderosos. Seguindo a linha de músicas que marcaram o início de sua carreira como “Hero” e “Make It Happen”, Mariah traz os versos “Eu segurei a esperança em minhas duas mãos, pois não haveria outra chance para encontrar o reino no qual acredito no fundo do meu coração”. Ouça agora "Almost Home" no player abaixo!


Vale lembrar que Mariah já trabalhou em uma trilha sonora com a parceria de Whitney Houton, em 1998, para a animação “O Príncipe do Egito” com a música “When You Believe”. Atualmente, a diva pop está dividido o tempo de sua carreira com o programa American Idol, sendo jurada.




O trailer de “Oz - Mágico e Poderoso” realmente surpreende. Mostra desde a vida do mágico no Kansas, num jogo de cenas totalmente em preto e branco, até a sua passagem pelo furacão, o levando para o mundo mágico de Oz. Repleto de cores e efeitos especiais, o trailer mostra criaturas mágicas, e temida Bruxa Má do Oeste. David Lindsay-Abaire (Robôs) revisou o roteiro de Mitchell Kapner (Meu Vizinho Mafioso,Romeu Deve Morrer).
“Os movimentos das câmeras mostram a profundidade de um cânion, a altura de uma cachoeira ou como é voar com Glinda em suas bolhas, no imenso universo do Mágico. Tudo graças os ambientes criados pelo designer, Robert Stromberg. Os movimentos são usados para descrever a beleza e a fantasia desse mundo mágico. O senso de humor vem da natureza mística de Baum [L.Frank] e dos personagens. O personagem principal, vivido por James Franco, um pouco egoísta, da início a história. Quando ele vai de encontro as pessoas que ele admira, - em certo momento, Glinda – essas idas e vindas, acabam se tornando uma fonte de humor”, disse o diretor.
No filme, quando Oscar Diggs (James Franco), um mágico de circo com uma ética discutível, é carregado do poeirento Kansas para a vibrante Terra de Oz, ele acha que tirou a sorte grande - fama e fortuna ao seu dispor. Até que ele encontra três bruxas, Theodora (Mila Kunis), Evanora (Rachel Weisz) e Glinda (Michelle Williams), que não estão convencidas de que ele é o grande feiticeiro que todos imaginam. Relutantemente tragado pelos épicos problemas em que a Terra de Oz e seus habitantes estão enfrentando, Oscar tem que descobrir quem é bom e quem é mal, antes que seja tarde demais. Colocando em prática suas artes mágicas da esperteza e do ilusionismo - e até um pouco de feitiçaria - Oscar se transforma não apenas no grande e poderoso Mágico de Oz, mas em um homem melhor.

(Foto: Divuylgação)

No elenco estão também Zach Braff (Scrubs), como o leal, mas subestimado, assistente de Oscar (e também como a voz de um macaco alado que acompanha o mágico), a menina Joey King, uma bonequinha de porcelana que se torna protegida de Oscar depois que a sua família é reduzida a cacos por Evanora, e Abigail Spencer, uma espectadora do mágico no Kansas.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obrigado pela sua opinião!
Contracene, seja o Artista!