Uma grande ciranda encerra a Flipinha

(Foto: Divulgação)

Ponto de encontro das crianças na Flip, a Flipinha terminou com ciranda na edição deste ano. Ditinho da Ciranda integra um grupo de sete cirandeiros de Paraty: atabaque, dois cavaquinhos, bandolim, pandeiro, viola de dez cordas e violão. No final da tarde do dia 8 de julho, enquanto esse grupo tocava e cantava, vários casais dançavam no grande palco da Flipinha. Aos casais logo se juntaram vários voluntários do evento, com suas camisetas cor-de-laranja e um entusiasmo contagiante, que atraiu espectadores e transformou o baile improvisado numa enorme ciranda.

O próprio Ditinho tocou a viola e puxou a cantoria, com cirandas tradicionais da região, que todos cantavam com ele, como “Menina linda” e a festejadíssima “Ciranda da despedida”: “Maria, põe o barco n´água, põe o barco n´água para eu navegar”. A Flipinha navegou a semana inteira e chegou a bom porto. No ano que vem tem mais.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obrigado pela sua opinião!
Contracene, seja o Artista!