Flip festeja 10 anos com homenagem a Drummond

Luiz Fernando Veríssimo (Foto: Divulgação)

Completando uma década, a Festa Literária Internacional de Paraty (Flip) chega com fôlego extra para festejar a boa literatura. De 4 a 8 de julho, 40 escritores vindos de 14 países se reúnem em Paraty para cinco dias de intensa programação. O homenageado deste ano  será o escritor, poeta e cronista Carlos Drummond de Andrade.

Cultuado pela diversidade de sua produção, Drummond está intimamente ligado ao conceito da Flip, que não privilegia um estilo, uma forma de expressão literária ou uma mídia em especial. O poeta ganhou notoriedade com a poesia, mas sua produção também abrange a prosa, com crônicas, contos e livros infantis. Ativo até sua morte, o poeta abordou o cotidiano das pessoas, a política nacional e internacional, os problemas sociais e a filosofia, inventando e reinventando formas e maneiras de dizer o simples.

Três dos nomes mais relevantes da produção literária atual, Jonathan Franzen, Jennifer Egan e Le Clézio ajudam a compor uma programação de impacto na Tenda dos Autores. Franzen é autor de “Liberdade”, um dos livros mais comentados de 2011. Pela primeira vez no Brasil, Egan venceu no ano passado o prêmio Pullitzer de ficção com seuA Visita Cruel do Tempo, narrativa multifacetada sobre o universo do rock. Dono de uma escrita marcada pelo exotismo e pela sensualidade, o francês Le Clézio é o quinto prêmio Nobel a participar da Festa (que já recebeu Orhan Pamuk, Toni Morrison, Nadine Gordimer e J.M. Coetzee).

(Foto: Divulgação)

A seleção de autores brasileiros constitui uma amostra do bom momento vivido pela ficção nacional. Da narrativa urbana de Rubens Figueiredo à recriação do sertão de Francisco Dantas, passando pelo lirismo de João Anzanello Carrascoza, os autores presentes na programação 2012 traçam um panorama instigante em que nomes consagrados se misturam às novas vozes.

Como novidade, alguns dos mais festejados escritores que já passaram pela Festa nas edições anteriores foram convidados novamente, para participar das comemorações dos 10 anos do evento: Ian McEwan fará na Flip o lançamento mundial de seu novo romanceSerena e Enrique Vila-Matas falará sobre seu Aire de Dylan, que tem cenas no Mercado Municipal de São Paulo. Hanif Kureishi completa a lista dos grandes retornos.

Antônio C. Seccin (Foto: Divulgação)
Vindos dos quatro cantos do “mundo, vasto mundo”, o americano-nigeriano Teju Cole, o libanês Amin Maalouf, a cubana Zoe Valdés e a portuguesa Dulce Maria Cardoso, vencedora do prêmio União Europeia para a Literatura, complementam um panorama plural da cena literária, com suas tonalidades e contradições. A Festa está só começando.

A mesa Zé Kleber, no dia 5 de julho, é um espaço aberto à comunidade paratiense dentro da Flip, com entrada gratuita. Na 10ª edição da Festa as atrações da mesa especial serão a bibliotecária e educadora Silvia Castrillon, que participou ativamente do processo de criação de bibliotecas públicas em Bogotá. Para debater com ela estará presente o geógrafo Alexandre Pimentel, presidente da Biblioteca Parque de Manguinhos.

Assim como no evento passado, na décima edição da Flip as tendas da programação principal – Tenda dos Autores, Tenda dos Autógrafos e Tenda do Telão – serão posicionadas na margem esquerda do rio Perequê Açu. Com isso o centro histórico de Paraty fica mais acessível ao público e aos turistas que visitam a cidade. Para além da Tenda dos Autores, a programação da Flip - Casa da Cultura terá atrações internacionais.

Adonis (Foto: Divulgação)

Ingressos começam a ser vendidos a partir de 4/06
Os ingressos para a programação principal da Flip começam a ser vendidos no dia 4 de junho pela internet, por telefone e nos pontos de vendas oficiais. Depois do dia 3 de julho os ingressos poderão ser comprados apenas na bilheteria da Flip em Paraty. Os interessados na programação da Flip - Casa da Cultura devem comprar os ingressos durante o evento, nas bilheterias da Flip, em Paraty.

A mesa Zé Kleber é gratuita, com retirada de ingressos com uma hora de antecedência. Os ingressos para a Tenda dos Autores custam R$ 40, para o show de abertura R$ 30, para a Tenda do Telão, R$ 10, e para a Flip - Casa da Cultura, R$ 10. A venda é realizada pela internet (www.ticketsforfun.com.br), por telefone (4003-5588) ou nos pontos de vendas listados no site da Flip (www.flip.org.br).

Conferência e show de abertura
Novidade deste ano, a conferência de abertura será dividida em duas partes. Na primeira, o cronista gaúcho Luis Fernando Veríssimo reflete sobre os dez anos da Flip e as mudanças vividas pelo Brasil ao longo do período. Logo em seguida, acontece a primeira homenagem a Carlos Drummond de Andrade, com os poetas Antonio Cícero e Silviano Santiago.

(Foto: Divulgação)

O show de abertura ficará a cargo do cantor e compositor pernambucano Lenine. A apresentação acontece às 21h30 do dia 4, quarta-feira, precedida por um show da Ciranda de Tarituba, representante da legítima cultura paratiense. 
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Obrigado pela sua opinião!
Contracene, seja o Artista!